AL-BA aprova aumento de 12% de verba indenizatória após fim de 14º e 15º salários

Os deputados estaduais da Bahia reajustaram em 12% a verba indenizatória desde o começo de abril, pouco tempo depois de extinguir os 14º e 15º salários. Com o aumento, o valor passou de R$ 29 mil para R$ 32,4 mil, informa reportagem do jornal A Tarde.

Presidente da Assembleia Legislativa, Marcelo Nilo (PDT) reconhece que a verba é alta, mas alega que é obrigado a seguir o reajuste da Câmara Federal. “Se eu pudesse, baixaria o valor, mas, por lei, o deputado estadual tem o mesmo direito que os deputados federais. A medida não é minha”, afirma o pedetista. A verba indenizatória é um auxílio mensal ao qual os parlamentares têm direito.

Os recursos podem ser utilizados, por exemplo, para contratação de consultoria e divulgação de ações. O ressarcimento é feito por meio da apresentação de notas fiscais. Com o aumento da verba, não haverá a economia de R$ 2,5 milhões anunciada após o fim dos salários adicionais.

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*


Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.