Ames faz nova denúncia na Promotoria Regional contra o “Festival de Wisky”

A Associação Metropolitana dos Estudantes Secundaristas e Universitários do Estado da Bahia (Ames) deu entrada, na última terça-feira, 29, em uma nova representação contra os realizadores do evento denominado de “Festival d Wisky”, programado para acontecer neste sábado, 2, no Espaço Camaçari 2000.

No documento entregue à Promotoria, o presidente da instituição, Leonardo Borges, relata que o anúncio da venda da meia-entrada por R$ 30 é uma farsa. “Eles querem enganar a população dizendo que R$ 30 é o valor da meia-entrada, quando, na verdade, esse é o preço do ingresso para a pista e R$ 60 a casadinha”, relatou.

Segundo Leonardo, o valor real da meia-entrada é R$ 15. “Se o ingresso normal é R$ 30, então a meia deve ser vendida a R$ 15 para estudantes que têm a carteirinha da Ames”, disse. O texto do documento entregue à Promotoria diz ainda que “os organizadores do mencionado evento estão a zombar da sociedade camaçariense, já que estão a demonstrar que não têm o mínimo de respeito, nem temor a punições que este honroso órgão pode lhes causar”.

Henrique da Mata/assessora de comunicação

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*


Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.