CNJ adia julgamento de ex-presidente do Tribunal de Justiça da Bahia

O Conselho Nacional de Justiça (CNJ) adiou pela décima vez o julgamento administrativo contra a desembargadora Telma Britto, ex-presidente do Tribunal de Justiça da Bahia (TJ-BA).

O processo investiga se houve infração disciplinar por parte de Brito, que é alvo de mais três processos para avaliar sua conduta.

A desembargadora foi afastada em novembro do ano passado, por decisão do Plenário do CNJ, para que começasse a investigação do pagamento inflacionado de precatórios no valor de R$ 448 milhões.

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*


Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.