CPMI da Petrobras prevê depoimento de Paulo Roberto Costa em reunião fechada

A Comissão Parlamentar Mista de Inquérito (CPMI) da Petrobras prevê que o depoimento do ex-diretor da estatal Paulo Roberto Costa seja em sessão fechada na proxima quinta-feira (17). Os deputados e senadores que compõem a Comissão querem dar a Costa a oportunidade de contar à CPMI tudo o que disse ao Ministério Público. Se a reunião for aberta, o ex-diretor pode perder os benefícios da delação, que corre em segredo de Justiça.

Apesar disso, o presidente da CPMI, senador Vital do Rêgo (PMDB), informou que a sessão começará aberta e que Paulo Roberto Costa terá o direito de ficar calado.”É um direito que assiste a ele. Nós vamos tentar ao máximo que ele colabore. Nós, inclusive, estaremos com todas as condições necessárias para que ele possa colaborar com a CPMI como está fazendo com a Justiça”, disse o parlamentar.

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*


Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.