Júnior volta a cobrar redução da tarifa de ônibus e cumprimento do TAC

O vereador Júnior Borges (DEM) reiterou na manhã desta segunda-feira (1) que continuará cobrando do Ministério Público a redução da tarifa dos coletivos de Camaçari. Segundo o parlamentar, “o TAC não foi cumprido e as empresas que operam as linhas de ônibus da cidade não fizeram nenhum tipo de melhoria para os usuários”, ressaltou.

O acordo foi feito entre o Ministério Público, a prefeitura e os donos das empresas de ônibus, mas até o momento não foi cumprido. De acordo com o promotor público de Camaçari, Luciano Pitta, que recebeu um grupo de jovens do movimento estudantil na semana passada, o município será cobrado pelo cumprimento do TAC. “O prazo que as empresas tinham para cumprir com o acordo já passou e a gente vai pedir que elas diminuam a tarifa imediatamente ou façam as melhorias prometidas”, relatou.

O edil ressaltou ainda que o município deve implantar em Camaçari o processo de licitação para escolha das empresas que irão fazer o transporte na cidade.  “Já passou da hora de Camaçari se impor e escolher as empresas que atuarão na cidade através de licitação”, concluiu.

Henrique da Mata/assessoria de comunicação

Foto: Hericks Trabuco

 

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*


Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.