Mesmo com pretestos, Camaçari mantém aumento e tarifa de ônibus chega a custar R$ 4

Na contramão da primordial reivindicação das manifestações populares que tomam as ruas do país desde o último dia 15, as passagens de ônibus na sede do município baiano de Camaçari aumentaram de R$ 1,90 para R$ 2,10 e chegam a custar R$ 4 no trecho que vai até a orla da cidade – valor superior à tarifa de Salvador, de R$ 2,80.

Segundo o vereador Júnior Borges (DEM), a oposição já acionou a Justiça para tentar suspender o reajuste, concedido no final do mês de fevereiro. “No ano passado, a prefeitura assinou um Termo de Ajustamento de Conduta [TAC] com o Ministério Público Estadual se comprometendo a, antes de promover reajustes de tarifa, melhorar a qualidade do sistema, inclusive da frota”, argumentou.

Nesta quarta-feira (26), manifestantes foram às ruas pedir ao prefeito Ademar Delgado (PT) melhorias no sistema de transporte no município. Estudantes também pretendem dar entrada em um projeto de iniciativa popular na Câmara Municipal de Camaçari pela cobrança de meia passagem aos domingos e feriados na cidade. O texto chegou a ser apresentado pela bancada da minoria na Casa, mas foi rejeitado.

Cerca de 5 mil assinaturas já foram coletadas, das 7,5 mil necessárias para a apresentação do documento. Uma nova manifestação está agendada para às 15h desta quinta (27), quando acontece a última sessão ordinária do legislativo municipal antes do recesso.

Bahia Notícias

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*


Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.