Doleiro diz que José Dierceu sabia de repasse de verba desviada da Petrobras para o PT

IMG_1398854660

No depoimento de delação premiada à Justiça, o doleiro Alberto Youssef afirmou que o ex-ministro da Casa Civil José Dirceu sabia de esquemas de desvio de verbas na Petrobras. Segundo Youssef, Dirceu tinha uma relação “muito boa” com o consultor Júlio Camargo, que admitiu ter intermediado propina proveniente da estatal.

Na contabilidade de Camargo, o ex-ministro aparecia com o codinome “Bob” e utilizava o jatinho do consultor com frequência. “Julio Camargo possuía ligações com o Partido dos Trabalhadores, notadamente com José Dirceu e Antonio Palocci”, diz parte do trecho da delação premiada de Youssef à Polícia Federal, em outubro do ano passado.

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*


Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.