Joaci Góes diz que ‘não precisa’ tornar nome conhecido

Escolhido como número dois da chapa oposicionista ao governo da Bahia – após desbancar o ex-prefeito de Mata de São João, João Gualberto (PSDB) –, o ex-deputado federal Joaci Góes não faz questão de tornar seu nome mais conhecido entre o eleitorado estadual.

Jornalista e membro da Academia Baiana de Letras, ele é quase anônimo se comparado aos colegas de coligação – o ex-governador Paulo Souto, pré-candidato ao Executivo, e o ex-ministro da Integração Geddel Vieira Lima, postulante ao Senado. “Eu não preciso ser mais conhecido.Estou com as chuteiras amarradas, diferente deles [Souto e Geddel]. Sou uma pessoa que dá experiência à chapa. Os dois sabem disso”, assegurou o pretenso vice-líder do Estado, em entrevista ao Bahia Notícias durante evento de anúncio dos integrantes do grupo antipetista que disputará as eleições de outubro deste ano.

Defensor, principalmente, de bandeiras ligadas à educação, Joaci aposta na oratória como um de seus principais méritos na corrida eleitoral. “Modéstia à parte, posso debater com qualquer um, principalmente sobre a realidade nas escolas e universidades”, gabou-se.

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*


Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.